HISTÓRIA 

A cidade de Vitória, ou ilha do mel como também é conhecida, é a capital de um estado incrível, que muitas vezes é pouco lembrado, mesmo estando próximo das principais cidades brasileiras. A capital capixaba é uma das cidades mais antigas do Brasil, a Vila Nova do Espírito Santo foi fundada em 1551 se tornando a capital da capitânia. A urbe, é também uma das três ilhas-capitais junto com Florianópolis/SC e São Luís/MA.  Na maior parte do ano o sol predomina na cidade, tendo um clima propício para praia. Porém, a cidade é privilegiada e em pouco tempo você já pode sair do calor do litoral e ir para o frio das montanhas.

O turismo do estado do Espírito Santo é basicamente dividido em 8 ROTAS. Uma Rota que é indispensável fazer é a Rota do Mar e das Montanhas. Ela tem início na capital, passa por Viana, uma cidade da região metropolitana, e sobe a serra para as cidades de Domingos Martins, Marechal Floriano e Venda Nova do Imigrante.

pedra-azul
Pedra Azul

O que fazer

Quando se fala em Espírito Santo, não há como negar que já vem em mente as belas praias capixabas, não é mineirada? Com isso, vamos te indicar ótimas praias próximas a capital.

 

SENTIDO NORTE:

Como já dito, vale muito a pena conhecer não só as praias da capital, mas também as próximas. A aproximadamente 60 Km ao norte de Vitória se encontra a região de Santa Cruz. Um fantástico distrito da cidade de Aracruz que conta com um magnifico encontro do rio com mar. É possível pegar uma escuna e adentrar para dentro do manguezal do rio Piraquê-Açu, que é considerado o quinto maior da América Latina. É possível, também, conhecer tribos indígenas, as únicas do Espírito Santo, que estão localizadas próximo da região. Voltando em direção a Vitória, ainda é indispensável conhecer boas praias, como Nova Almeida, Jacaraípe e Manguinhos ambas no município de Serra.

 

SENTIDO SUL:

No sentido sul da capital, você tem a aproximadamente 55 Km a cidade de Guarapari. Umas das cidades capixabas mais conhecidas no Brasil. Dizem que é a praia de Minas Gerais, tendo em vista a quantidade de mineiros que enchem a cidade no verão. Na cidade saúde, não deixe de ir nas praias das Castanheiras, do Morro, Setiba e Areia Preta, essa última que conta com a famosa areia Monazítica, que dizem conter propriedades medicinais. Voltando em direção a vitória você passará pela cidade de Vila Velha, a primeira cidade fundada em solo espiritossantense e que vale a pena conhecer, não só por suas praias, Barra do Jucu, Itaparica, Itapuã e Praia da Costa mas também pelo Convento da Penha, uma igreja no topo de um morro que é possível ver com uma visão ampla e privilegiada toda a cidade de vitória, sua baía e a terceira ponte. A visita à fábrica de Chocolates Garoto, ainda na cidade canela-verde, também é validada.

996126_865769696766835_523748084698184439_n
Cachoeira da Bica

VITÓRIA

Depois de conhecer as belas praias ao redor da capital e antes de subir a serra, aproveite para conhecer melhor a capital capixaba. A cidade não conta com serviços de transporte de massa e o sistema de transporte da cidade é basicamente o ônibus. A sorte é que a cidade não é tão grande se for comparada com outras capitais brasileiras, o ônibus ou se preferir o táxi vai te atender.

Visite as praias de Camburi, Curva da Jurema e Ilha do Boi, sendo que a última é a melhor para o banho. Passe pelo centro histórico e sinta a história do Brasil em uma das primeiras cidades tupiniquins. Praça Sete, Catedral Metropolitana, Parque Moscoso, Forte São João, Palácio Anchieta, Escadaria Maria Ortiz, Theatro Carlos Gomes ficam localizados no centro da capital. Antes de seguir para a Orla Noroeste, vá até o bairro de Goiabeiras e veja como é fabricada as famosas panelas de barro na região das Paneleiras. Na panela de barro é onde se prepara a famosa e tradicional moqueca capixaba. As panelas de barro foram tombadas como patrimônio imaterial cultural pelo Iphan.  Seguindo em direção a Orla Noroeste, conheça e almoce na Ilha das Caieiras. A região é polo gastronômico com vários restaurantes que tem como prato principal a moqueca capixaba e frutos do mar. Pode-se degustar, também, a tradicional torta capixaba, casquinha de siri e peixes fritos.

 

MONTANHAS CAPIXABAS

Depois de conhecer um pouquinho da história do Espírito Santo, saborear os principais pratos da culinária local e se bronzear nas principais praias da região, é hora de subir a serra e se encantar com as belezas das montanhas capixabas.

A primeira cidade a parar, Viana, ainda não é na serra capixaba, mas é de lá que sai o Trem das Montanhas Capixabas. Um Trem que sobe a serra pelo meio da mata atlântica, passa pela cidade de Domingos Martins e termina no distrito de Araguaia, na cidade de Marechal Floriano. O preço é salgado, R$ 150,00 por pessoa, mas não se desespere, dá para subir a serra de carro, você gastará bem menos, principalmente se estiver em grupo.

É aconselhável ir até Venda Nova do Imigrante e começar explorar a região por lá. A cidade fica a aproximadamente 115 Km de Vitória, foi fundada por imigrantes italianos, é rica em belezas naturais, possui uma culinária saborosa e é pioneira no setor de agroturismo no Brasil. Agroturismo é uma espécie de turismo rural, onde se associa vivencia do cotidiano agrícola ao lazer, a visitação e valorização do meio rural. Não deixe de experimentar a polenta e o Socol, pratos típicos da região.

Descendo a serra em direção a Vitória você passará por Pedra Azul. A região faz parte do município de Domingos Martins, porém distancia 50 Km do centro da cidade. Se você estiver com um pouco mais de tempo, não deixe de entrar no parque e conhece-lo. Você irá se surpreender com a quantidade de belezas naturais, com o clima e a gastronomia do local.

Descendo mais um pouco a serra, você chegará na cidade de Marechal Floriano. Uma típica cidade das montanhas capixabas, fundada por alemães e italianos. A cidade conta com o Zoo Park da Montanha, um zoológico nas montanhas capixabas que conta com cerca de 500 animais de 11 países.

Por fim, mas não menos bela, a cidade de Domingos Martins. Cidade fundada, por italianos e alemães, é rodeada por mata atlântica, possuindo assim belezas naturais fantásticas, onde cabe destacar Pedra Azul. A cidade possui uma arquitetura que lembra as casas alemãs, ótimas pousadas e diversas lojinhas de produtos típicos. A região, também, é muito procurada por casais para passar lua de mel. A cidade conta ainda com circuitos de agroturismo.

É BOM SABER

A cidade de vitória não conta com meios de transporte de massa. O ônibus é o principal meio de locomoção dos capixabas, com isso o recomendado é o aluguel de um carro para conhecer e explorar toda essa região do mar à montanha.

O preço da passagem dos ônibus da região da grande vitória é R$ 2,75

Preço do trem das montanhas: R$150,00

Saída de Viana: 9 horas da manhã

Chegada Prevista em Marechal Floriano: 11 horas e 20 minutos

Rota dos Comentários, deixe o seu!

17 Comentários

  1. Mais uma descrição excelente da nossa terra. Parabens pelo trabalho, Jão!
    Super bacana as dicas, espero que muitos turistas acatem a ideia aqui no seu blog e aproveite bastante para conhecer o estado de canto-a-canto.
    O Espirito Santo é lindo!

  2. Nasci e fui criada a minha vida praticamente inteira no ES e não sabia que tinha tanta cidade massa pra conhecer, é vou começar a organizar umas viagens rs

  3. Parabéns pelo seu trabalho, João. Os turistas merecem saber que aqui não tem só moqueca capixaba (kk), nós temos uma cultura bastante diversificada e cidades maravilhosas que merece ser prestigiada.

  4. Excelente trabalho meu amigo João..!!
    Coisas maravilhosas temos em nosso lindo Espírito Santo!!!!!
    Belezas naturais, Cultura e povo muito receptivo!
    Amo esse lugar

  5. Parabéns ai João….realmente, o ES é lindo, e com muitos lugares interessantes!!…faço questão de fazer essa propagando do estado para meus conhecidos do meu estado de origem (MG),para meus amigos do Brasil afora e até do Mundo afora!!!….Isso aí!!!!…Abraços

  6. Ótima dica para uma rota sensacional! Como capixaba, reconheço que o ES é um lugar interessante pela sua grande diversidade. E você consegue descrever cada detalhe e sugestões para quem deseja conhecer da melhor maneira possível. Parabéns pelo trabalho!!

Deixe o seu comentário!